O medo de ir sacar dinheiro

Talvez você ainda não tenha se dado conta, mas estamos passando um grande shift global, uma mudança econômica e social que alterará a nossa vida para sempre.

Chegamos no momento em que as empresas de tecnologia superam as empresas tradicionais e com montes de dinheiro em caixa apresentam mais condições de gestão – e eficiência – que às nações.

Se está crise favorece alguém, com certeza, são as empresas de tecnologia, como no pôquer, a pilha de dinheiro correu para o lado das grandes empresas de tecnologia mundiais.

Já detentoras de caixa expressivo antes mesmo da crise, agora elas encontram-se ainda mais poderosas.

O que você fará o dia em que for ao banco sacar dinheiro e não sair grana?

O dia em que perceber que todos os impostos pagos não vão para o bem comum e sim para o bolso de uma minoria que só pensa em si.

O swift global empoderou as pessoas, o Facebook, a Apple, a Amazon o Netflix, são os cases do momento.

As pilhas correm para as mãos da digitalização.

Alguns experimentos já estão sendo feitos e contestados pelos governos pelo mundo.

Novas moedas, meios de pagamento, criptos.

Em uma pequena alteração de rota uma grande mudança pode acontecer.

Os bancos foram massacrados nesta crise, eles que sempre são os grandes beneficiados não estavam preparados.

Os bancos mundiais imprimem dinheiro, a população vai às ruas, não estamos nem no meio da crise, os estados não sabem administrar dinheiro, as empresas de tecnologia sim.

Talvez leve anos? talvez não?

O processo já começou.

Pensando em construir uma fortuna, me diga, onde você investiria 100 reais agora?

Nas ações da prefeitura de sua cidade ou nas ações de uma das gigantes de tecnologia?

Nas ações do seu país ou nas ações de uma das big high-techs?

Acabou a confiança nos governos, o povo percebeu.

Você estará preparado?

Em uma reviravolta o novo capitalismo vence por 7 X 1.

Enquanto milhares de vidas são perdidas e outras milhares mudam de status social voltando a linha de pobreza precisamos reavaliar os conceitos que farão a grande diferença global.

Neste momento empresas superam estados e passam ditar uma nova dinâmica mundial.